Descubra o que fazer por Londres

Saiba o que fazer por Londres: sua magia, seus encantos

Uma das perguntas que os brasileiros mais me fazem é o que fazer em Londres. Afinal, essa é uma das cidades turísticas mais encantadoras do mundo.

Já que sou fotógrafo e conheço os lugares mais interessantes de Londres, preparei uma lista das coisas imperdíveis a se fazer pela cidade.

Com o propósito de te ajudar a imergir na cultura, costumes, passeios e lugares marcantes, não podem faltar os tradicionais pontos turísticos.

Ademais, prepare-se para conhecer alguns locais que são pouco visitados e explorados, mas com uma beleza e história sem igual.

Confira a lista destes encantadores lugares:

1- MILLENNIUM BRIDGE

A Millennium Bridge se destaca no cenário londrino, ora por seu estilo futurista, ora pela encantadora paisagem que a cerca.

A ponte suspensa tem 325 metros de extensão. Está na lista não só por ser uma representação da Londres moderna, mas pela ponte interligar a outros locais maravilhosos.

Millennium Bridge (Foto: Victor Guidini)

De fato, você não pode deixar de visitar a Millennium Bridge e tirar algumas fotos por lá. Do local você pode avistar a St. Paul’s Cathedral, o Tate Modern, a Tower Bridge e o The Shard, pontos icônicos e de visitação imperdível.

2- ST. PAUL´S CATHEDRAL

Saímos de um item modernista, para um ponto turístico tradicional. A St. Paul’s Cathedral é com certeza, um dos cartões postais mais bonitos de Londres.

St. Paul’s Cathedral em londres

St. Paul’s Cathedral (Foto: Victor Guidini)

O projeto arquitetônico é do século XVII e é muito visitado pelos turistas não só pela sua história e beleza,  mas também por contar com a segunda maior cúpula do mundo e ser um sonho de visitação para muitos fiéis.

3- BIG BEN

Como dito, na lista sobre o que fazer em Londres, não poderia faltar a indicação dos locais mais famosos e visitados pelos turistas. O grandioso relógio e o sino, são um dos roteiros mais disputados da capital inglesa.

Big Ben em Londres

Big Ben (Foto: Victor Guidini)

Para se ter ideia das proporções, somente o sino instalado na torre, pesa 13.760kg, seu diâmetro é de 2,74 metros e sua altura é de 2,39 metros.

Já a Elizabeth Tower, torre onde fica o sino, dispõe de 96 metros de altura e cada uma das quatro esferas do relógio tem um diâmetro de 7 metros.

É uma imensidão de lugar que merece ser apreciado e registrado para a vida toda.

4- NOTHING HILL

Tema de filme, Notting Hill é realmente inesquecível.

Se você assistiu a comédia romântica estrelada por Julia Roberts e Hugh Grant e sempre se imaginou lá, não pode deixar de conhecer.

Nothing Hill em londres

Nothing Hill (Foto: Victor Guidini)

O local possui a arquitetura tradicional londrina, com comércios e feiras ao ar livre, e casas por toda a vizinhança. Com muitas cores e sabores, o passeio tem objetivo cultural e gastronômico.

Em suma, se o seu intuito é guardar momentos agradáveis e fazer coisas legais na sua ida a Londres, Notting Hill tem que estar entre os lugares a se visitar.

5- BROADWAY MARKET

Quem ama feiras ao ar livre, principalmente no melhor estilo londrino, não pode deixar de visitar  o Broadway Market em Londres.

O lugar tem muitas histórias, funciona desde 1980 e abriga inúmeros comerciantes.

Broadway Market em londres

Broadway Market (Foto: Victor Guidini)

Ademais, é um verdadeiro mix de culturas e tradições. No local você vai encontrar cafés, bares, restaurantes, lojas independentes, barracas com produtos frescos, além de artesanatos e acessórios autênticos de Londres.

6- TOWER BRIDGE

A Tower Bridge deve estar na sua lista do que fazer em Londres. Além de ser um lugar muito famoso, seus detalhes e paisagens vão te encantar profundamente.

Tower Bridge em londres

Tower Bridge (Foto: Victor Guidini)

Assim como os outros passeios já citados, a Tower Bridge possui a cara da capital inglesa e é um dos símbolos mais conhecidos.

Da ponte sobre o Rio Tâmisa você consegue apreciar uma vista quase panorâmica de Londres. Com mais de 100 anos de história, a Tower Bridge tem muito a te mostrar.

7- LONDON EYE

A London Eye também é conhecida como Millennium Wheel, é a famosa roda gigante. Localizada na costa do Rio Tâmisa, é um dos pontos turísticos mais disputados de Londres.

London eye londres

London Eye (Foto: Victor Guidini)

Possui 135 metros de altura, a partir dela é possível ter uma vista inesquecível da cidade e do campo. Você também pode registrar os momentos do lado de fora da roda gigante, do outro lado do rio a vista é privilegiada.

Eternize sua viagem para Londres

Que tal eternizar os momentos de sua viagem à capital inglesa em imagens de tirar o fôlego?

Além de trabalhar como fotógrafo de casamento em Londres, também ofereço sessões fotográficas para casais em tempos especiais como pré ou pós-wedding e lua de mel assim como turistas em passagem pela capital da Inglaterra.

Trabalho com ensaios fotográficos em Londres, cujo o objetivo é registrar sua visita aos principais pontos turísticos com muita qualidade e emoção, visando proporcionar belíssimas recordações.

As fotos e texto neste artigo são de autoria de Victor Guidini.

Se você está interessado, conheça mais este trabalho aqui.

 

Quer mais Move, Learn e Enjoy na sua vida?

Curta nossa página no Facebook

Veja nossas fotos no Instagram

La Cité du Vin, o paraíso para os amantes de vinhos

Você aprecia vinhos?

Já teve a oportunidade de conhecer Bordeaux, a segunda maior área de cultivo de vinhos em todo o mundo e produtora dos internacionalmente famosos vinhos franceses de Bordeaux?

Agora a cidade tem mais um motivo para estar na lista de destinos para se visitar dos amantes de um bom vinho.

A razão se chama La Cité du Vin (A Cidade do Vinho).

Continue reading

Bordeaux além dos vinhos

Bordeaux é uma região da França muito famosa pela excelência na produção de vinhos, justamente pela história do cultivo e produção da bebida, que data dos primórdios da expansão romana nesta região francesa, cerca de 60 a.C.

Além disso, possui um terroir (área com condições geológicas e climáticas favoráveis para cultivo e plantação da uva) de nível único, fazendo de Bordeaux a segunda maior área de cultivo de vinhos em todo o mundo com cerca de 120 mil hectares de vinhedos e 13 mil viticultores, atrás apenas da região de Languedoc, também na França. (The Wine Cellar Insider, 2015).

Contudo iremos além das encantadoras vinícolas de Bordeaux com seu vinho de qualidade reconhecida internacionalmente.

Iremos imergir no mundo dos negócios e projetos sustentáveis!

Continue reading

Coisas que você descobre pela primeira vez em Paris

TEXTO ENVIADO POR CAMILA APARECIDA OLIVEIRA

Em novembro de 2014 tive a oportunidade de fazer um intercâmbio na Europa. Fiquei por três meses estudando Turismo pelo Programa de Qualificação em Turismo e Hospitalidade na Espanha, pela universidade das Ilhas Baleares em Palma de Maiorca. Claro que aproveitei para dar um pulinho em Paris nas férias de fim de ano!

Continue reading

Passeando por Praga

TEXTO ENVIADO POR MARIANA GREGÓRIO

Novamente fomos de Student Agency e chegamos à Praga por volta do horário do almoço, indo direto para nosso hostel.

Havíamos marcado um Pub Crawl (evento que reúne pessoas com o intuito de levá-las a percorrer a cidade a pé, parando em diversos bares e pontos para socializar com outras pessoas) para aquele dia mesmo, então demos uma rápida passada pelo centro da cidade para nos situarmos e já voltamos para o hostel.

Nos arrumarmos para o famoso Prague Pub Crawl, que custou 500 CZK (Czech Koruna) – cerca de R$ 62,60 (incluía uma hora de open bar no primeiro pub, shots na entrada dos outros dois, e entrada de graça na Karlovy Lazne, uma balada de cinco andares considerada a maior da Europa Central).

Continue reading

Tour em Bratislava

Acordamos 7 da manhã para pegar o ônibus as 9 para Bratislava. Fomos de Student Agency, e recomendo muito.

Eles tem uma espécie de aeromoça no ônibus, que fica servindo chocolate quente, chá, cappuccino (de graça), além de TV em cada banco, onde dá pra jogar, ver filmes, etc. Só o wi-fi que não estava funcionando.

Continue reading

Ano novo em Budapeste

TEXTO ENVIADO POR MARIANA GREGORIO

A minha viagem de ano novo começou bem próxima da virada mesmo. No fim do dia 29 de dezembro, eu e minha amiga, Bruna, pegamos um voo da WizzAir saindo do Luton, Londres, as 21 horas e chegando em Budapeste quase meia noite.

Ao comprar passagem pela WizzAir fiquem muito atentos ao tamanho da bagagem de cabine permitido, pois a bagagem gratuita não se chama “Small Cabin Bag” a toa, ela é bem menor do que a permitida pelas outras companhias de low-cost (chamada de Large Cabin Bag), portanto veja direitinho se as dimensões da sua mala cabem naquele espacinho minúsculo que a companhia permite.

Continue reading