Cidade branca de Tel Aviv

Muitas cidades hoje em dia são a melhor maneira para se compreender a história local através de um museu a céu aberto.

Algumas são mais antigas, outras mais modernas. Contudo, a certeza é de que este mix temporal reflete a vida do que foi, está sendo e será na vida urbana contemplada por moradores, turistas e qualquer pessoa que deseje viver e construir sua história ali.

Tel Aviv é uma mescla destas influências do tempo e apresenta através do branco sua intensa vivacidade urbana.

A criação da cidade de Tel Aviv na década de 1930 foi o passo inicial para que jovens arquitetos judeus perseguidos pela Alemanha nazista iniciassem o que mais para frente se tornaria a icônica Cidade Branca.

Estes judeus perseguidos em épocas de guerra trouxeram com eles os pensamentos da Escola Bauhaus e seus ensinamentos fundamentaram e moldaram a cultura e a aparência da nova cidade.

Arquitetura com elementos Bauhaus (Foto: Yael Ida Friedman)

Arquitetura com elementos da Escola Bauhaus (Foto: Yael Ida Friedman)

A Staatliches-Bauhaus foi uma escola de design, artes plásticas e arquitetura de vanguarda na Alemanha, sendo uma das maiores e mais importantes expressões do chamado modernismo no design e na arquitetura, sendo a primeira escola de design do mundo.

Bauhaus enfatizou linhas limpas e baixo custo, ideal para a construção rápida de blocos de apartamentos para abrigar a população em rápido crescimento, o que ocorreu em períodos pós-guerra.

Apartamento no estilo Bauhaus (Foto: inspiredcitizen)

Apartamento no estilo Bauhaus (Foto: inspiredcitizen)

Milhares de edifícios surgiram em um curto espaço de tempo, dos quais cerca de 4.000 ainda permanecem intactos, e até alguns foram restaurados, dando uma aparência consistente na conhecida Cidade Branca de Tel Aviv.

Apartamento com linhas retas e modernas ao estilo Bauhaus (Foto: wikicommons)

Apartamento com linhas retas e modernas ao estilo Bauhaus (Foto: wikicommons)

Uma adaptação para o clima quente da região, as janelas são pequenas e retas e as paredes pintadas de branco, dando ênfase nos traços do estilo moderno do Bauhaus e fazendo jus ao apelido de Cidade Branca.

Leia também: Cidades coloridas pelo mundo

Krieger House (Foto: rothschild 71)

Krieger House (Foto: rothschild 71)

Sua impressionante arquitetura e coloração branca é um atrativo a mais para que milhares de turistas visitem a cidade e se sintam acolhidos por uma das cidades mais vibrantes do mundo, Tel Aviv.

Cidade Branca de Tel Aviv (Foto: Israel Tourism)

Cidade Branca de Tel Aviv (Foto: Israel Tourism)

Pela sua originalidade e importância histórica, Tel Aviv e sua Cidade Branca foram reconhecidas para compor à lista de Patrimônio Mundial da UNESCO em 2004.

E você? Que tal conhecer os charmes da Cidade Branca de Tel Aviv?

Quer mais Move, Learn e Enjoy na sua vida?

Curta nossa página no Facebook

Veja nossas fotos no Instagram

matheus template_editado-1

Posted in Curiosidades and tagged , , , , , , .

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *