jardim de lineu sp

As maravilhas do Jardim Botânico de São Paulo

Muito provavelmente se você é de São Paulo e aprecia a natureza, gosta de aproveitar seu final de semana indo ao Parque do Ibirapuera e desfrutar o que o atrativo tem.

Mas se você prefere um espaço também repleto de natureza só que com muito menos pessoas, o Jardim Botânico de São Paulo é o lugar perfeito para você!

É daqueles passeios BBB, ou seja, bom, bonito e barato.

O Jardim Botânico de São Paulo possui vários recantos e atrações para toda a família apreciar as belezas naturais e aproveitar o que a natureza tem de melhor.

entrada jardim botanico de sao paulo

Entrada do Jardim Botânico de São Paulo (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Conta com 36 hectares (360 mil m²), área destinada à visitação, e pertence ao Instituto de Botânica da Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo.

O Jardim Botânico faz parte do Parque Estadual das Fontes do Ipiranga (PEFI), considerado a terceira maior reserva de Mata Atlântica do município de São Paulo.

Sua missão é a conservação e preservação da biodiversidade paulista e brasileira por meio do conhecimento de todos os grupos de plantas e fungos, bem como as relações com o meio ambiente, através da Educação ambiental.

É um jardim diferente porque abriga coleções de plantas de grande importância científica, ornamental, econômica e em risco de extinção, como: palmeiras, orquídeas, plantas aquáticas, dentre outras, além das nascentes do histórico Riacho do Ipiranga.

O Instituto de Botânica, instituição que administra o Jardim Botânico de São Paulo, possui o terceiro maior herbário (coleção de plantas para fins científicos) do Brasil.

Fascinante não é mesmo?

O Jardim Botânico de São Paulo é um laboratório ao ar livre que facilita o aprendizado sobre os diferentes aspectos da flora.

belezas naturais jardim botanico de sao paulo

Belezas naturais do Jardim Botânico de São Paulo (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Possui um programa educativo que promove a educação e conscientização do publico sobre a importância da biodiversidade e a necessidade de sua conservação.

Confira alguns dos principais atrativos do Jardim Botânico de São Paulo

ALAMEDA FERNANDO COSTA

A Alameda Fernando Costa recebe este nome em homenagem ao engenheiro agrônomo que na década de 1920 convidou Frederico Carlos Hoehne para implantar um jardim botânico no Parque do Estado, visando à proteção da floresta e das nascentes.

alameda jardim botanico sp

Ponto inicial da alameda do Jardim Botânico de São Paulo (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Foi executada em 1950 e servia como estacionamento e de entrada dos visitantes.

Sua característica principal é a arborização com as altas palmeiras.

Na época de sua construção, o córrego Pirarungaua, afluente do Riacho do Ipiranga, foi canalizado em uma galeria subterrânea.

corrego jardim botanico

Córrego canalizado Jardim Botânico de São Paulo (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Em 1990, a alameda foi reformulada e recebeu um piso em mosaico português.

No paisagismo foram utilizados canteiros com flores de várias espécies.

alameda jardim botanico de sao paulo

Alameda do Jardim Botânico de São Paulo (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Este projeto foi o primeiro do Jardim Botânico de São Paulo que proveu acesso para pessoas com necessidades especiais.

ESTUFAS DOUTOR FREDERICO CARLOS HOEHNE

As Estufas eram chamadas de Estufas do Orquidário e marcam o início do Jardim Botânico de São Paulo, quando foram construídas em 1928.

Tinham como objetivo o cultivo de orquídeas para a formação do Orquidário do Estado.

Atualmente esta estufa abriga plantas tropicais, especialmente de Mata Atlântica.

estufa jardim botanico de sao paulo

Estufa com exemplares da mata Atlântica (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Em seu interior a temperatura e umidade do ar são elevadas, simulando o ambiente natural e criando condições para o desenvolvimento de bromélias, samambaias, antúrios e orquídeas, plantas características das matas tropicais.

bromelia jardim botanico de sao paulo

Bromélia (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Entre as estufas do Jardim Botânico, mantêm-se até hoje uma amostra permanente de plantas aos visitantes do Jardim Botânico de São Paulo, abrigando duas exposições anuais de orquídeas desde 1992.

orquideas jardim botanico de sao paulo

Orquídeas do Jardim Botânico de São Paulo (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

A coleção científica conta hoje com cerca de 18 mil exemplares de cerca de 650 espécies diferentes, composta em sua maioria de espécies nativas de São Paulo e do Brasil, muitas destas ameaçadas de extinção.

Construída com estruturas de ferro, abrigam exposições de plantas de dois biomas brasileiros: Mata Atlântica e Cerrado.

A estufa composta por exemplares da Mata Atlântica é mais “cheia de vida”, com um pequeno lago artificial e diversas bromélias, samambaias e orquídeas.

estufa cerrado jardim botanico de sao paulo

Estufa com exemplares do cerrado (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

A estufa com exemplares do cerrado deixa a desejar, pois alguns painéis que deveriam interagir com os visitantes estão em má estado de conservação.

ESCADARIAS E JARDIM DE LINEU 

Duas escadarias, uma na parte leste e outra na oeste, com design parecido com colunas gregas, são um excelente ponto para tirar fotos divertidas usando truques de perspectiva.

escadaria do jardim botanico de sao paulo

Escadaria do Jardim Botânico de São Paulo (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Foram construídas em 1928 e compõem a decoração das extremidades do Jardim de Lineu, inspirado no Jardim Botânico de Upsala, Suécia, onde trabalhou Carl Linnaeus, considerado o “pai da taxonomia”.

jardim de lineu jardim botanico de sp

Escadaria e lago central no Jardim de Lineu (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

O lago central merece destaque e é um excelente ponto para fotos!

jardim de lineu sp

Jardim de Lineu (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

MUSEU BOTÂNICO DR. JOÃO BARBOSA RODRIGUES

Idealizado por Frederico Carlos Hoehne (cientista e botânico que foi um protetor nato da natureza brasileira), o museu Botânico Dr. João Barbosa Rodrigues foi inaugurado em 1942, com objetivo de complementar as atividades educativas do Jardim Botânico de São Paulo e despertar e fomentar o interesse pela pesquisa em botânica básica e aplicada.

museu botanico jardim botanico de sp

Museu Botânico do (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Construído em forma de cruz, é dividido em cinco ambientes que compõem 150 m².

Foi erguido para ser sede do museu e inaugurado junto com este, em 1942.

vitral museu de botanica sp

Vitral do Museu de Botânica (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Possui uma sala que está decorada com um vitral central muito detalhado e que retrata alguns exemplares da flora brasileira.

salas museu de botanica sp

Salas do Museu de Botânica (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

As paredes internas foram erguidas de forma que pudessem ser utilizadas para a colocação de vitrines com amostras de diversos itens da botânica, como sementes, flores, frutos, etc.

exemplares de botanica museu botanica sp

Exemplares de botânica (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

A parte externa é adornada com placas de terracota, retratando exemplares da flora brasileira, sendo Heliconia (comumente chamada de bico-de-papagaio) e Cattleya (gênero de orquídea).

museu de botanica sp parte externa

Parte externa do Museu de Botânica (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

LAGO DAS NINFÉIAS

Ninféias conhecidas também com lírio d´água e nenúfar, são plantas aquáticas que florescem na primavera e verão.

Suas flores amarelas, azuis ou rosas abrem no período da manhã e fecham à tarde.

Por este motivo, recomendo que você faça sua visita pela manhã para ver o lago com as flores abertas.

ninfeia rosa jardim botanico de sao paulo

Ninféia rosa (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Infelizmente eu fui no período da tarde e haviam poucas flores abertas, mas ainda assim deu para registrá-las em belas imagens!

O Lago das Ninféias é artificial e abastecido pelas águas da nascente do Riacho do Ipiranga.

lago das ninfeias jardim botanico de sao paulo

Lago das Ninféias (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Abriga um “jardim invisível”, pois nele existem cerca de 300 espécies de algas microscópicas.

TRILHAS E ANIMAIS

Uma das mais conhecidas trilhas do Jardim Botânico de São Paulo é a Trilha da Nascente.

Neste percurso o visitante caminha por uma trilha suspensa de 360 metros que o levará até uma das nascentes do Riacho do Ipiranga.

trilha jardim botanico de sp

Antes do início da trilha (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Fora esta, existem outras trilhas e caminhos para explorar pelo Jardim que guardam muitas surpresas.

Como as trilhas cobertas pelos bambus que sempre tem algum macaco.

Consegue achar o bugio entre os bambus na foto abaixo?

bugio jardim botanico sp

Encontre o macaco (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

A principal delas é o encontro com macacos bugios que ficam brincando de pular de galho em galho e aproveitam para degustar os frutos nas palmeiras.

macaco jardim botanico de sao paulo

Macaco brincalhão (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Fique de olho no topo das palmeiras, pois muitos deles vão degustar frutos.

bugio jardim botanico sp

Bugio (Foto: Matheus Pinheiro de Oliveira e Silva)

Se você tiver sorte poderá escutar eles interagindo entre si com um canto forte que ecoa no ar.

JARDIM DOS SENTIDOS

Um dos principais meios de nos comunicarmos e entendermos o mundo ao nosso redor é através dos sentidos.

O Jardim dos Sentidos do Jardim Botânico de São Paulo foi criado em 2003 com o propósito de inclusão, sendo adaptado para atender deficientes visuais e cadeirantes.

Este espaço possui coleção de plantas aromáticas onde o visitante pode tocar as plantas e sentir seus aromas e texturas.

Fiquei muito satisfeito com o atrativo Jardim Botânico de São Paulo.

É um jardim muito limpo e com diversas espécies diferentes de flora e algumas de fauna.

É um local calmo e sem tumulto, se comparado com parques de grande visitação como o Ibirapuera ou Villa-Lobos.

Só podia ser assim, pois não é permitido entrar com animais, praticar atividades com bola, skate, patinete e bicicletas. Tampouco usar churrasqueiras e fazer barulho excessivo.

Para quem gosta de tranquilidade e natureza, definitivamente este é o lugar!

Dados gerais:

Jardim Botânico de São Paulo
Local: Avenida Miguel Stéfano, 3031 – Água Funda (zona Sul) – São Paulo
Quanto: R$ 6 (inteira) e R$ 3,00 (meia), para idosos e estudantes. Crianças de até 4 anos e portadores de necessidades especiais não pagam.
Horário de funcionamento: De terça-feira a domingo e feriados (incluindo feriados que caem na segunda-feira), das 9 às 17 horas.
No horário de verão: aberto das 9 às 18 horas.
Fechado: sexta-feira santa, 25 de dezembro e 1º de janeiro.

Como chegar:

Caso você escolha ir de transporte público, você tem três opções que eu recomendo, utilizando um metrô e um ônibus:

  • Pegue o metrô para a estação Saúde (linha azul – sentido Jabaquara). Depois pegue o ônibus 475R-10 Jardim São Silvério.
  • Pegue o metrô para a estação Santos Imigrantes (linha verde – sentido Vila Prudente). Caminhe até a Avenida Dr. Ricardo Jafet, 2340 e pegue o ônibus 4491-10 Zoológico.
  • Pegue o metrô para a estação São Judas (linha azul – sentido Jabaquara). Caminhe até a Avenida Jabaquara, 2319 e pegue o ônibus 4742-10 Metrô São Judas.

Nos três trajetos, desça na Avenida Miguel Estefano, 2535 e atravesse a rua para chegar ao seu destino.

Dica: utilize como referência a Expo São Paulo. O Jardim Botânico fica muito próximo deste local.

Caso você escolha ir com outros meios, o preço taxado do estacionamento é o seguinte:

Carro de passeio R$ 10; Moto e Afins R$ 5; vans, ônibus e micro-ônibus R$ 30.

Para saber mais sobre o Jardim Botânico de São Paulo, acesse o site do atrativo

Quer mais Move, Learn e Enjoy na sua vida?

Curta nossa página no Facebook

Veja nossas fotos no Instagram

matheus template_editado-1

Posted in São Paulo and tagged , , , .

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *