Trabalho voluntário transforma vidas

Viajar com a AIESEC para Colômbia me transformou! Hoje, olhando para trás, percebo realmente o quanto.

É engraçado como se expor a situações novas, sair da zona de conforto e buscar ultrapassar suas próprias limitações pode te ensinar tanto, e em tão pouco tempo.

Saí do Rio de Janeiro sabendo me apresentar em espanhol, e não mais do que isso. Falava uma ou duas frases.

Volto da minha experiência com livros em espanhol, milhares de músicas latinas que canto e escuto todos os dias, e amigos colombianos. Além disso, o mais importante, volto com o desejo de estudar, viajar, e lutar pela América Latina. O que representou para mim uma direção tanto profissional quanto uma descoberta de mim mesma, como alguém completamente apaixonada por esse povo e por essa cultura latina.

Aprendi que a entrega é muito importante. Mergulhar de cabeça em uma experiência, vivê-la com intensidade e com todo o seu coração pode te abrir portas incríveis, te levar até pessoas maravilhosas e te presentear com momentos inesquecíveis.

Foi isso que aconteceu comigo!

Aprendi a abandonar alguns dos meus medos, a me libertar, deixar acontecer, encontrando um caminho para ser mais feliz.

Crianças amigáveis no trabalho voluntário (Foto: Ana Clara Torma)

Crianças amigáveis no trabalho voluntário (Foto: Clara Torma)

Passei a me perguntar mais vezes: “Por que não”?

Acredito que a autorreflexão e o autoconhecimento são pontos fortes em experiências como estas. Viajando conhecemos para além de lugares novos no mundo, mas lugares, sensações, e sentimentos novos em nós mesmos.

Tive a oportunidade de aprender muito, mas também de ensinar.

Marcas positivas para a vida (Foto: Ana Clara Torma)

Marcas positivas para a vida (Foto: Clara Torma)

Ajudar uma criança a ler e aprender português, plantar feijões no quintal de um asilo com idosos e receber o sorriso de gratidão dessas pessoas são coisas das quais não me esqueço, e que não tem preço.

Vejo no trabalho social uma luz.

Acender essa luz em uma pessoa, plantando a semente de uma coisa boa, é mudar um mundo individual – o que é enorme para quem recebe.

Trabalho voluntário rendendo muitas amizades (Foto: Ana Clara Torma)

Trabalho voluntário rendendo muitas amizades (Foto: Clara Torma)

Ao meu ver, as lideranças são importantes nesse sentido. Mobilizar mais pessoas em torno dessas práticas voluntárias e sociais, fazendo desta experiência algo com cada vez mais alcance, permitindo, assim, as trocas, o aprendizado e a exaltação da nossa própria humanidade.

Dados do Intercâmbio:

Período de realização: Janeiro à Fevereiro de 2015
País de destino: Colômbia
Projeto Realizado: CROSSING BORDERS

Quer saber mais como realizar um intercâmbio como esses?

Clique aqui e faça suas malas!

Quer mais Move, Learn e Enjoy na sua vida?

Curta nossa página no Facebook

Veja nossas fotos no Instagram

Template-Colaborador-pro-si

Posted in Intercâmbio and tagged , , , , .

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *